Home  |  Contatos  |  Mapa do Site  |  Download Center  |  Imprensa - Resenhas - Webcast  |  English  |  Español


Estratégia de aquisição:

A estratégia de aquisição deve ter como alvo: adicionar valor ao acionista; agregar market-share e obter ganhos de sinergias.

  • Conectando oportunidades
    em Fusões & Aquisições

  • Consultoria em Gestão e Finanças

  • Valor agregado às negociações de fusão, compra e venda

  • Adicionar valor ao acionista
    Agregar market-share - Ganhos de sinergia

  • Ajustar e valorizar para a venda

Introdução

Muitas vezes o empresário se vê diante da questão:

O que queremos e o que podemos ser?

Vale a pena entrar em novos segmentos ou aumentar o “market-share” comprando concorrentes?

Como viabilizar?

Alguns fatores como capacidade de gestão, necessidade de capital e tempo tornam-se limitadores do crescimento. Por sua vez as opções estão condicionadas pela globalização da concorrência, padrões de produtividade e competitividade, evoluções tecnológicas, necessidade de ganhos de escala para compensar margens baixas ou declinantes, maior consolidação setorial e exigência por transparência e aderência a princípios de governança corporativa.

Por outro lado, a velocidade obtida por crescimento orgânico da empresa pode não ser suficiente para preservar ou conquistar uma posição competitiva no mercado. Assim, surge como um importante mecanismo a ser considerado, as operações de fusão, aquisição ou alianças estratégicas.

Na consolidação da estratégia de Aquisição devem-se alcançar três objetivos: Adicionar Valor ao Acionista; Agregar Market-share; e Ganhos de Sinergias. Nesse sentido vale lembrar o ditado. “A percepção é forte e os sinais visíveis são fracos. Na estratégia é importante ver coisas distantes como se estivessem próximas e as coisas próximas como se estivessem distantes."

Na busca pela sua melhor estratégia de expansão a “ACQUISITIONS” pode contribuir de forma decisiva, preparação da estratégia, avaliação, negociação e mesmo na continuidade e integração do novo negócio com o atual, pois possui ampla experiência tanto no mercado brasileiro quanto em operações internacionais, seja na compra de um concorrente ou na aquisição de um cliente ou fornecedor.

Fusão & Aquisição para uma Vantagem Competitiva - Melhores Práticas (116KB)

Não basta só analisar se o valor da aquisição é alto ou baixo em termos absolutos, mas também se será pago um valor maior do que a empresa vale para determinado comprador. Existem inúmeros fatores que influenciam o processo de venda de uma empresa.

É comum encontrar empresários que desenvolvem um fator emocional muito grande com as suas empresas como se elas fossem suas próprias vidas. Os compradores encaram a aquisição de uma empresa com muita objetividade. O que realmente importa são os "números" que a empresa apresenta em seu desempenho financeiro e os fatores econômicos ligados ao mercado em que a empresa atua.

Textos Relacionados

Aliança Estratégica para uma Vantagem Competitiva. Porque, Quando e Como. (78KB)
Processo de compra de uma empresa. Como aumentar as possibilidades de sucesso, combinando métodos adequados com programas sistemáticos destinados a identificar as oportunidades mais promissoras. (60 KB)
A nova legislação brasileira destinada às empresas em dificuldades econômico-financeiras. Lei de Recuperação de Empresas disciplina a recuperação judicial, a recuperação extrajudicial. Aspectos legais. (85 KB)
Voltar Início